A Importância do Potencial de Faturamento

Antes de iniciar um trabalho de ativação de clientes é preciso usar de estudos e conhecimento técnico necessários para avaliar o real potencial de faturamento de sua rede. Afinal, como acertar um alvo, se eu não conheço exatamente o tamanho dele. 

Muitos negócios promissores falham na hora de traçar seus objetivos e estratégias por uma percepção equivocada das necessidades do seu público, da sua área de influência e do mercado.

Como decidir sobre a abertura de novas lojas ou avaliar a real capacidade de performance de lojas já existentes?  

Estas são questões que devem ser respondidas por meio de uma completa análise do potencial de consumo que o seu negócio vai atender.

Que tal a análise de profissionais técnicos e aptos a identificar exatamente onde estão e o tamanho das oportunidades ideais para o seu negócio faturar mais? Na verdade este é um investimento, que se feito de forma correta (leia-se: com uma empresa de qualidade e reconhecimento no mercado) poderá ser o grande divisor de águas da sua rede.

Não há sensação pior do que depois de tanto esforço e empenho, perceber que os resultados obtidos não são os esperados, apenas por não ter investido em uma real percepção sobre a capacidade de faturamento do seu negócio.

Buscaremos aqui justificar o porquê de um planejamento eficaz mudar completamente o seu resultado e fazer seu negócio evitar desperdícios e ainda aumentar o faturamento de forma permanente. 

Primeiramente vamos apresentar qual o tipo de serviço que oferecemos para te ajudar com essas questões. A GS é um empreendimento especializado em ciência do consumo.

Após 14 anos de experiência e mais de 300 clientes satisfeitos em todo o país, a GS é uma empresa especialista em inteligência para identificar oportunidades de aumento no faturamento tanto do varejo quanto da indústria.

Nossas soluções são baseadas em inteligência de dados, data mining, ciência do consumo sempre com foco no ticket médio, na frequência de compra e na aquisição de novos clientes. 

Em que consiste a ciência do consumo

É de conhecimento geral que atualmente a informação, sobretudo a qualidade dela, é um dos ativos mais valiosos de qualquer marca.

Em um mundo onde podemos obter informações sobre algo de forma quase imediata, em contrapartida, há uma infinidade de dados disponíveis,  inclusive os de baixa qualidade.

Em outras palavras, é muito difícil que os profissionais de outras áreas, principalmente do varejo, tenham disponibilidade de tempo para coletar, analisar e se especializar na mineração desses dados, de forma a atingir com precisão as oportunidades de faturamento.

Tendo dito isso, a ciência do consumo existe exatamente para isso: identificar e atender as necessidades de um único indivíduo dentro da coletividade ou de um grupo específico de pessoas que tenham o potencial de para aquisição de determinados serviços ou produtos.

A ciência do consumo reúne dados das mais diversas fontes (prefeituras, PNUD, CAGED, IBGE e outros), estudos de campo, mapeamento de concorrência, além de análises das categorias e do comportamento de compra física e online para compreender o potencial de vendas do seu negócio.

Como é feita a análise de um negócio?

Por meio do levantamento de milhares de dados do negócio, é possível cruzar informações de domicílios, demografia, geografia, economia, e, sobretudo, dos clientes e também dos não (ainda) clientes para identificar onde está o potencial de consumo e como ativar esse potencial. 

Também é essencial individualizar essa análise do potencial por categoria de consumo. Afinal, é importante saber exatamente como distribuir precisamente os esforços, a exposição e investimentos direcionados dentro da loja, ganhando tempo e otimizando os recursos. Por exemplo, se a categoria de açougue de um supermercado oferece grande potencial de aumento de faturamento e, por outro lado, a categoria de produtos de limpeza já converte o máximo da sua capacidade, é evidente que devemos focar nas estratégias de aumento nas vendas. 

Estratégias de direcionamento de ações de marketing e vendas para aumentar a demanda por seu produto serão elaboradas a partir do resultado de toda esta análise do negócio.

E uma das principais chaves para obter estas informações de maneira precisa e segura é conhecer o seu cliente.

Quem é o seu cliente?

Acredite, não é o instinto, faro ou “feeling” que levarão seu negócio a tornar-se maior e melhor. Isto não se aplica mais ao mercado em que atuamos hoje. Seu consumidor tem acesso à informação como nunca teve antes. Seus concorrentes podem estar em qualquer lugar e não necessariamente precisam estar fisicamente próximos à sua loja para isso.

Identificar as individualidades do seu consumidor requer muitas combinações de dados e uma equipe especializada neste tipo de análise.

Logo, se você não tiver uma estratégia assertiva de marketing, é possível que você esteja perdendo grandes oportunidades de faturamento neste exato minuto.

Nossas análises proporcionam a identificação do padrão de comportamento do mercado e dos seus clientes, entendendo a necessidade do indivíduo e os potenciais próximos comportamentos de compra. 

Se é um cliente que prioriza questões de preço, se é um segmento com muitos concorrentes e qual seria o melhor formato das suas lojas para atingir determinado objetivo.

Com isso, podemos elaborar a melhor estratégia e o resultado virá direto no  faturamento e no engajamento dos seus clientes. 

Tecnologia a seu favor

Muitos ainda não compreendem que a busca por padrões de comportamentos específicos dos indivíduos variam de acordo com o local que moram, com a renda, com a configuração familiar, com os hábitos locais, com o momento de vida e tantos outros quesitos.

Em razão da quantidade enorme de consumidores, estes potenciais clientes só podem ser identificados por meio de big data e data mining, que é justamente a mineração desses vários dados dentro de uma grande e robusta nuvem, selecionando dados por meio de critérios de segmentação e individualidade. 

Se aproxime de seu cliente

Em uma era que exige a personalização, um potencial cliente pode deixar de se converter em cliente real apenas porque sua estratégia de marketing é extremamente genérica e não considera as diferenças de uma loja ou de um consumidor para outro. Hoje seu cliente quer se sentir próximo, especial e individualizado.

Na GS temos o nosso CRM que tem como objetivo identificar hábitos de consumo dos shoppers e trazer grandes insights para o seu varejo. Por meio da nossa nuvem de dados, que possui aproximadamente 26 milhões de domicílios identificados, ou seja, ⅓ dos domicílios brasileiros,  somada à nossa plataforma de CRM, o Zoombox que processa bilhões de transações anualmente, conseguimos reunir dados estatísticos, geográficos, psicológicos e de consumo, totalmente focados no aumento do faturamento do seu negócio.

Assim, conseguimos identificar o que a sua rede precisa para crescer e como explorar o máximo do potencial das lojas e da base de clientes. 

Se você se interessou, saiba mais sobre como a GS pode transformar seu negócio e entre em contato com um de nossos especialistas!

 

Ler também:
CRM para Aumento do Faturamento
Como o Varejo Pode Utilizar a IA a Favor do Seu Negócio